Sim, é possível cuidar das suas Relações Pessoais durante a quarentena!

Dica nº 3: cuide de suas Relações Pessoais na quarentena!

Que este período de isolamento social está deixando muita gente com medo de se “desligar” de seus amigos, parentes mais distantes ou de parceiros amorosos, você já sabe! Porém, nem tudo está perdido! Neste texto, vamos te dar algumas dicas para que você possa preservar (ou melhorar) suas Relações Pessoais durante a quarentena!


Não há como negar: um dos maiores impactos causados pelo isolamento social decorrente da pandemia do novo coronavírus é justamente a fragilização das nossas Relações Pessoais.

Afinal de contas, não podemos mais nos encontrar com nossos amigos nem, muitas vezes, manter contato físico com nossos parceiros amorosos.

Ainda por cima, como estamos convivendo com nossas famílias em tempo integral, é comum que os atritos que já existiam antes acabem sendo intensificados por causa do estresse da quarentena.

E foi justamente para lhe ajudar a lidar com todas essas tensões emocionais da melhor maneira possível que decidimos trazer algumas dicas sobre como manter suas Relações Pessoais mesmo num período tão difícil como o que estamos passando!

Confira a seguir a importância de cuidarmos ainda melhor de nossos relacionamentos durante o isolamento social e como você pode fazer isso numa boa!

Sim, dá para equilibrar as Relações Pessoais durante a quarentena!
Pode parecer um desafio e tanto, mas é possível equilibrar as Relações Pessoais durante a quarentena!

A importância de cuidar das suas Relações Pessoais – principalmente na quarentena!

A espécie humana é sociável por natureza e o estabelecimento de Relações Pessoais foi fundamental para a sua evolução.

Essencialmente, nos adaptamos a lidar com situações de risco e reunir recursos para a nossa sobrevivência através de dinâmicas de cooperação como, por exemplo, a observada entre membros de uma mesma família.

No entanto, mesmo quando a Terra tornou-se um ambiente menos hostil e as interações interpessoais passaram a não ser tanto uma questão de “vida ou morte”, nosso lado sociável continuou apresentando uma importância sem igual para nosso bem-estar.

De acordo com um estudo conduzido por pesquisadores da Universidade do Texas, existe uma associação direta entre a quantidade e a qualidade dos relacionamentos pessoais de um indivíduo e a sua saúde física e mental.

Segundo os pesquisadores, adultos que possuem mais conexões sociais não só tendem a viver mais como, também, a ter uma melhor qualidade de vida.

Por exemplo, é cientificamente comprovado que, dentre indivíduos que possuam problemas arteriais, aqueles que sejam mais socialmente isolados terão uma chance de vir a óbito 2,4 vezes maior do que os que apresentem uma natureza mais sociável.

Além disso, como dissemos anteriormente, a qualidade dos relacionamentos também desempenha um papel-chave nos efeitos deles sobre a saúde.

De um modo geral, relações baseadas no afeto e no suporte mútuo tendem a exercer uma ação benéfica sobre o organismo, possivelmente por promoverem uma regulação das atividades dos sistemas imunológico, endócrino e cardiovascular.

Por outro lado, relacionamentos tóxicos representam, na mesma medida, um risco devastador para a saúde.

Uma relação tensa estimula a produção contínua de hormônios relacionados ao estresse, que podem levar ao desenvolvimento de problemas de hipertensão e, até mesmo, ao comprometimento da respostas imunológicas do corpo!

Como a quarentena pode estar afetando a qualidade dos seus relacionamentos

Já deu para ver que permitir que a quarentena afete as suas Relações Pessoais é uma péssima ideia! No entanto, é bem possível que isso esteja acontecendo sem que você perceba!

Primeiramente, o isolamento traz por si só uma série de desafios psicológicos e sociais que precisam ser vencidos. Segundo o portal Science News, o distanciamento prolongado pode agravar ou provocar problemas de saúde mental e ser um grande fator de estresse.

E, quanto mais uma pessoa se sente estressada ou acuada, maiores serão suas chances de responder de forma agressiva aos que estão ao seu redor, contribuindo para gerar tensões ainda mais graves.

Portanto, é muito importante que você não se deixe cair nesse ciclo vicioso e acabar descontando o estresse em quem está próximo de você.

Além disso, como dissemos lá em cima, o distanciamento social prejudica as interações entre amigos ou namorados, na medida em que impede que se marquem encontros presenciais.

Esse fato potencializa a sensação de solidão e pode, mais uma vez, catalisar reações de estresse e causar um impacto negativo para a saúde.

Assim, em especial num momento grave como este, é necessário que tomemos medidas no sentido de reparar ou preservar nossas Relações Pessoais!

Confira a seguir 3 dicas para que você consiga cuidar melhor de seus relacionamentos durante a quarentena!

Manter boas Relações Pessoais é ainda mais importante durante a quarentena!
Não deixe que a quarentena afete seu humor e prejudique suas Relações Pessoais!

3 dicas para preservar suas Relações Pessoais na Quarentena

1. Aproveite para se conectar melhor com seus familiares próximos

A pandemia do coronavírus inevitavelmente veio nos lembrar de que a vida é algo frágil e que precisa ser valorizado.

Em geral, costumamos tratar nossos familiares mais próximos como “seres eternos” ou que sempre estarão ao nosso lado e, por isso, acabamos nos esquecendo de demonstrar afeto e gratidão em momentos-chave.

Ademais, muitas vezes permitimos que diferenças de opinião ou ideologia política provoquem um afastamento de nossos parentes e sejam motivo para brigas.

Desta forma, uma ótima ideia para reduzir os impactos sociais negativos da quarentena é aproveitá-la como uma oportunidade de reparar seus relacionamentos com seus parentes!

Aqui vai uma lista de coisas que você pode fazer com a sua família para estreitar seus laços:

  1. Evite temas polêmicos, como política ou religião, durante o isolamento;
  2. Proponha mais atividades em grupo, como uma rodada de dominó ou uma “sessão de cinema em casa”;
  3. Converse sobre seus medos e inseguranças e troque desabafos com seus parentes;
  4. Compartilhe notícias positivas e faça elogios sempre que possível;
  5. Caso ocorra uma discussão, não durma antes de fazer as pazes com a pessoa com a qual você se desentendeu.

2. Use a tecnologia ao seu favor!

Felizmente, a tecnologia de comunicações evoluiu ao ponto de que, agora, podemos fazer até chamadas por vídeo com um toque na tela do celular!

E que momento melhor do que este para aproveitarmos todas as vantagens que a evolução técnico-científica nos trouxe?

Para deixar tudo ainda mais fácil, muitas plataformas de conversa online, como o Zoom, estão liberando videochamadas sem limite de tempo. Ou seja: você pode marcar reuniões com os seus amigos ou conversar com o crush sem medo de ser feliz!

Uma estratégia que você pode usar para “matar a saudade” durante o isolamento é organizar atividades em grupo com o auxílio dessas ferramentas de chat por vídeo.

Por exemplo, já tem um pessoal da Carvvo estudando japonês em equipe num grupo do Discord! Bem legal, não?

Separamos abaixo algumas dicas para você aproveitar ao máximo as chamadas virtuais para se manter conectado com as pessoas que ama:

  1. Marque de assistir a um filme com o seu crush enquanto vocês estão em chamada;
  2. Reúna seus amigos para rodadas de jogos online, como o Gartic, ou para jogar um MMORPG (RPGs de mesa por videoconferência também são uma ótima ideia!);
  3. Organize grupos de estudo para que vocês possam se apoiar mutuamente e evoluir juntos;
  4. Marque conversas apenas para que vocês coloquem o assunto em dia;
  5. Encontre-se pessoalmente com eles depois da quarentena (afinal, apostamos que ninguém vai ter coragem de ficar na fase do “vamos marcar” depois que esta confusão toda passar!).

3. Use a regra dos “5 para 1”

Esta é uma regra de ouro não só para a quarentena como, também, para a vida! Procure ter sempre mais interações “positivas” do que “negativas” com as pessoas.

De acordo com os especialistas em psicologia e relacionamentos, a mente humana tende a dar mais valor às experiências ruins do que às boas, o que faz que sejam necessários muitos eventos positivos para compensar a ocorrência de um fato negativo.

É devido a isso que relacionamentos com indivíduos muito críticos ou exigentes costumam ser mais complicados. O ideal é que, para cada interação negativa que você tenha com alguém, você compense a tensão mental gerada com 5 interações positivas!

A razão de “5 para 1” é considerada o “número mágico dos relacionamentos” e reflete o quão importante é que prestemos atenção ao modo como convivemos com os outros, especialmente com nossos parceiros amorosos.

E, como os humores tendem a se acirrar neste período de isolamento, o jeito é ter cuidado redobrado! Isso vale em particular para os casais que estão passando a quarentena juntos e correm o risco de descontar suas frustrações entre si.

Esta não é a hora de trazer uma briga de 3 anos atrás à tona, nem de reclamar em excesso de pequenos deslizes!

No entanto, se a situação realmente exigir uma resposta mais enérgica, lembre-se apenas de “compensar” depois a discussão com 5 elogios ou memórias afetuosas!

Reforçar os momentos felizes é fundamental para preservar suas Relações Pessoais!
Lembre-se sempre: os momentos felizes e os elogios devem ser mais frequentes!

E este foi o nosso post sobre como você pode cuidar melhor das suas Relações Pessoais durante a quarentena! Fique de olho nas novidades do nosso blog e mantenha a serenidade!

Um abraço e até a próxima!

Leia também